sábado, 24 de janeiro de 2015

Dirceu é investigado na Lava Jato, diz Jornal Nacional

O ex-ministro da Casa Civil, José Dirceu (PT), condenado por corrupção ativa no julgamento do mensalão, é um dos investigados no escândalo do petrolão. De acordo com reportagem do Jornal Nacional, da TV Globo, os investigadores da Operação Lava Jato desconfiam que Dirceu tenha sido um dos beneficiados com dinheiro do esquema e tenha intermediado o pagamento de propina por meio de uma de suas empresas. De acordo com a Veja, a Justiça Federal determinou a quebra dos sigilos bancário e fiscal do ex-ministro, do irmão dele Luiz Eduardo de Oliveira e Silva e da empresa JD Assessoria e Consultoria Ltda., da qual ambos são sócios. O Ministério Público Federal encontrou indícios de que a empresa de Dirceu tenha recebido recursos de empreiteiras ligadas ao esquema de desvio de recursos na Petrobras, entre elas a Galvão Engenharia, a OAS e a UTC Engenharia. Segundo o juiz, a JD Assessoria e Consultoria recebeu 3,7 milhões de reais das construtoras, cujos executivos foram presos no fim do ano passado pela Polícia Federal. Os procuradores da República encontraram vínculos da empresa de Dirceu com as empreiteiras ao analisar documentos contábeis apreendidos na Lava Jato. Em uma lista da Galvão Engenharia, a JD aparece como prestadora de "consultoria" pela qual recebia 25.000 reais mensais – ao todo, a firma de Dirceu recebeu 725.000 reais da empreiteira. Em nota ao Jornal Nacional, José Dirceu confirmou que prestou serviços de consultoria às empresas e se colocou à disposição para prestar esclarecimentos à Justiça. A Galvão Engenharia disse que não iria se pronunciar sobre a investigação. A UTC Engenharia confirmou que contratou a JD Assessoria e Consultoria para a "prospecção de negócios de infraestrutura no Peru e na Espanha". A reportagem do Jornal Nacional informa que ninguém foi encontrado para comentar as suspeitas na OAS.

Empresa italiana lança chip para acesso livre ao Whatsapp com taxa anual de R$ 30

A operadora italiana Zeromobile lançou um chip para celulares que estipula livre acesso ao aplicativo Whatsapp em 150 países, inclusive o Brasil, pelo valor de R$ 30 por ano. Com o chip, batizado de Whatsim, permite troca de mensagens de texto livre entre seus contatos. Para enviar fotos, vídeos, mensagens de voz e compartilhar sua localização o usuário precisa fazer uma recarga extra. Um dos benefícios do Whatsim é a possibilidade de, durante viagens, continuar a troca de mensagens sem precisar trocar de chip. O produto não está habilitado para fazer chamadas e ou para a utilização de outros aplicativos ou site. O Whatsim pode ser comprado no site oficial, por aproximadamente R$ 15.

Máscara de Tutancâmon será restaurada após reparo inadequado, mas reversível

Após um reparo inadequado na máscara funerária de Tutancâmon, um restaurador alemão afirmou, neste sábado (24), que os danos são reversíveis com tratamento adequado. Em agosto de 2014, durante um reparo na iluminação do Museu do Cairo, no Egito, a peça "foi atingida e a barba, que já havia sido colada durante uma primeira restauração, em 1841, caiu", disse o ministro Mamdouh al-Damati em coletiva de imprensa no museu. Em seguida, os funcionários utilizaram cola para reparar o dano, mas traços visíveis foram deixados. "A máscara não corre perigo e as medidas que foram tomadas são reversíveis", concluiu Christian Eckmann, especialista em conservação arqueológica de objetos metálicos e em vidro.

Gabriel Paulista acerta com o Arsenal e Vitória vai receber cerca de R$ 1 milhão

O Arsenal (ING) oficializou neste sábado (24) a contratação do zagueiro Gabriel Paulista, que estava no Villarreal, da Espanha. O clube inglês desembolsou quase R$ 60 milhões pelo atleta. Com isso, o Vitória que é um dos clubes formadores vai receber cerca de R$ 1 milhão. O Taboão da Serra, onde o defensor atuou na adolescência, também será beneficado financeiramente pela transferência. Ele deixou o Leão em 2013 e defendeu o time Rubro-Negro em 142 partidas e marcou sete gols.

terça-feira, 20 de janeiro de 2015

Criança morre em acidente entre duas Hilux em Itambé

Segundo informações colhidas no local do acidente, que aconteceu há aproximadamente 4 Km de Itambé, na BA-263, sentido a Itapetinga, logo após a entrada que dá acesso à Campinarana, as duas Hilux, bateram de frente. O acidente aconteceu às 7h30 da manhã de hoje (20). Imediatamente o Samu 192 foi acionado e realizou o resgate. A mãe da criança de 4 anos, que faleceu, foi encaminhada à Santa Casa de Misericórdia de Itambé. Já os outros ocupantes do outro veículo, foram levados para Itapetinga. Há rumores de que a criança que que faleceu no acidente é filha do Ex-gerente do Frigorífico Sudoeste. Até o momento, ainda não foi confirmada a causa do acidente, mas tudo indica que possa ter sido provocada por uma ultrapassagem indevida.

Cristiano Ronaldo diz que jogaria por Corinthians e Fla

Recém-eleito o melhor jogador do mundo pela terceira vez, Cristiano Ronaldo tem contrato com o Real Madrid até 2018 e é um dos atletas mais bem pagos do mundo dos esportes. Aos 29 anos, é impossível imaginá-lo atuando fora dos grandes clubes da Europa. O craque português, no entanto, deu uma declaração que pode animar as duas maiores torcidas do Brasil. Em entrevista à edição brasileira da revista Vogue, Cristiano Ronaldo disse que atuaria no país. "Não tenho muito tempo para acompanhar os times, mas Corinthians e Flamengo são clubes conhecidos e que vestiria a camisa tranquilamente", afirmou o atacante. Cristiano falou também sobre sua identificação com o Brasil e com os brasileiros. "Tenho muitos amigos brasileiros e por isso minha relação com o Brasil é fantástica. Tive e tenho companheiros brasileiros no Real Madrid e que, com a convivência, acabaram se tornando amigos, como o Kaká, que foi uma das pessoas que mais gostei de conhecer", revelou. Ao longo de sua carreira, o craque também fez amizade com atletas como Anderson, com quem jogou no Manchester United, e Marcelo, seu colega no Real Madrid, além de brasileiros naturalizados portugueses, como Deco, Pepe e Liédson, companheiros na seleção lusitana. Cristiano Ronaldo, que acabou de terminar o namoro de cinco anos com a modelo russa Irina Shayk, também teria se envolvido em romances com as brasileiras Andressa Urach e Karina Bacchi no passado.

Petrobras comunica à Bolsa de Valores repasse de aumento de tributos

A Petrobras vai repassar o aumento de tributos anunciado nesta segunda-feira (19) pelo ministro da Fazenda, Joaquim Levy, para o preço dos principais derivados do petróleo. A informação da estatal foi comunicada à Bolsa de Valores por meio de nota oficial. No comunicado, a estatal explica que “em decorrência da decisão do governo federal de elevação de tributos sobre a gasolina e diesel, os preços desses derivados nas refinarias serão acrescidos dos valores do Programa de Integração Social e da Contribuição para o Financiamento da Seguridade Social sobre os combustíveis e do retorno da Contribuição para Intervenção no Domínio Econômico, ficando inalterado o preço líquido para a Petrobras”.

Repórter e cinegrafista da Globo são deportados da Indonésia

Tanto o repórter da TV Globo Márcio Gomes quanto um cinegrafista da emissora foram deportados da Indonésia, segundo informou o jornal Folha de S. Paulo. Gomes foi enviado especial da emissora ao país para fazer a cobertura da execução do traficante brasileiro Marco Archer, 53. Ele foi fuzilado no último sábado (16) após ter sido condenado por tráfico de drogas, sentença que resulta em pena de morte no país asiático. A dupla, que entrou na Indonésia com visto de turista, chegou a ser detida no sábado na cidade de Cilacap e seus passaportes foram retidos. Conforme informações da própria Globo, os profissionais foram transportados pela polícia para a capital de Jacarta e, de lá, aguardaram em um hotel pelo voo em Tóquio onde Gomes atua como correspondente.

Argentinos protestam contra morte de promotor; presidente foi chamada de 'assassina'

Os moradores de Buenos Aires foram às ruas para protestar contra o governo e pedir esclarecimentos a respeito da morte do promotor Alberto Nisman, que havia feito denúncias contra a presidente Cristina Kirchner, nesta segunda-feira (19). De acordo com a Folha de S. Paulo, parte dos presentes na Praça de Maio gritava "assassina", se referindo à presidente Cristina e alguns dos manifestantes levaram cartazes escritos "Eu sou Nisman", em uma referência aos protestos na França contra os assassinatos da revista "Charles Hebdo".

Surfista baleado, Ricardo dos Santos não resiste e falece nesta terça em Florianópolis

O surfista Ricardo dos Santos não resistiu aos ferimentos provocados pelos três tiros na porta de sua casa, em Guarda do Embaú, em Palhoça, Santa Catarina, na segunda-feira (19) e faleceu no início desta terça-feira (20) no hospital Regional de São José. Ricardo foi internado após uma discursão com dois homens, sendo um policial militar, Luiz Brentano, que é de Joinville, e está preso no quartel da Polícia Militar em Florianópolis. Ricardo havia passado por quatro cirurgias na manhã desta terça e ainda teve uma parada cardíaca. A mãe do surfista, Luciene dos Santos, chorou muito na hora que recebeu a notícia na porta do hospital. "É mentira, é mentira, eu quero o meu filho de volta. Traz ele de volta, traz, por favor".

sábado, 17 de janeiro de 2015

Brasileiro condenado à morte por tráfico de drogas é executado

O brasileiro Marcos Archer Cardoso Moreira, 53, foi executado por fuzilamento, na Indonésia. Archer foi condenado à pena de morte por tráfico de drogas –ele foi preso com 13,4 kg de cocaína no aeroporto de Jacarta em 2003. A confirmação da morte do brasileiro foi dada por Tony Spontana, porta-voz da Procuradoria-Geral do país asiático. A execução ocorreu à 0h30 de domingo (18) pelo horário da Indonésia, dentro do complexo de prisões de Nusakambangan, em Cilacap, a 400 km da capital Jacarta. Ontem, o governo da Indonésia havia rejeitado o apelo feito pela presidente Dilma Rousseff para que Archer e outro brasileiro, Rodrigo Gularte, não fossem executados. A presidente falou, por telefone, com o presidente da Indonésia, Joko Widodo. Em nota, Dilma disse "lamentar profundamente a decisão do presidente Widodo de levar adiante a execução do brasileiro Marcos Archer". Archer trabalhava como instrutor de voo livre e foi preso em agosto de 2003 após tentar entrar na Indonésia pelo aeroporto de Jacarta com 13,4 kg de cocaína escondidos em uma asa delta desmontada. Na Indonésia, tal crime é punido com pena de morte. Em 2005, os advogados de Archer fizeram um pedido de clemência ao governo indonésio, mas o pleito foi negado. Em 2012, a presidente Dilma entregou uma carta ao governo do país pedindo que Archer não fosse morto. Atualmente, há 64 presos por crimes relacionados a drogas ilícitas condenados à morte no país asiático.

Homem é atropelado e dois suspeitos ficam feridos numa perseguição policial

Um homem foi atropelado no início da tarde de sábado (17) e dois suspeitos ficaram feridos numa perseguição policial em Vitória da Conquista. Antes do acidente, moradores da rua Mongoiós relataram ouvir tiros. Segundo o Blog do Anderson, pelo menos três ambulâncias do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) levaram o pedreiro e os suspeitos ao Hospital Geral de Vitória da Conquista (HGVC). Equipes da Polícia Militar estiveram no local. Informações e foto são do Blog do Anderson.

Médica é morta a facadas pelo marido

Uma médica de 43 anos foi morta a facadas dentro de um apartamento em um condomínio em Mogi das Cruzes, São Paulo, neste sábado (17). O marido é o principal suspeito de ter assassinado Adriana Angélica Marques. Depois, ele tentou se matar com uma faca. Segundo relatos, o casal começou a brigar dentro do apartamento pela manhã. O filho de 12 anos ouviu a discussão, que piorava, e saiu para procurar ajuda. Segundo a polícia, a informação é de que a médica estava pedindo separação e o marido, um estudante de educação física de 43 anos, não aceitava. Quando o filho saiu, o suspeito teria passado a atacar a esposa com uma faca. O síndico do condomínio foi alertado da situação e chamou a Polícia Militar, que ao chegar já encontrou a médica morta.

Execução causa sombra entre Brasil e Indonésia, diz ministro

O ministro das Relações Exteriores, Mauro Vieira, disse neste sábado, 17, em entrevista coletiva, que a execução do brasileiro Marco Archer na Indonésia causa uma sombra na relação entre os dois países. O governo determinou que o embaixador em Jacarta, capital da Indonésia, venha ao Brasil para consultas. "Chamar o embaixador para consulta expressa gravidade, um momento de tensão", explicou o ministro. Outra atitude tomada pelo Itamaraty foi convocar o embaixador da Indonésia no Brasil e entregar nota formal de protesto para reiterar a inconformidade do governo. O secretário-geral do Itamaraty, Sérgio Danese, entregou pessoalmente a nota, pouco depois da execução de Archer. Segundo o ministro, foram esgotados todos os recursos para evitar a execução da pena. O argumento usado pelo governo é de que não há pena de morte no Brasil. O ministro ressaltou que, em nenhum momento, foi contestada a gravidade do ato cometido pelo brasileiro. Mauro Vieira disse que toda a assistência foi dada a Marco Archer e que o mesmo está sendo feito com o outro brasileiro que está no corredor da morte na Indonésia, Rodrigo Gularte.

Homem é morto durante assalto a van

Um homem foi morto na madrugada deste sábado (17) em São Gonçalo dos Campos quando voltava para Feira de Santana depois de uma festa. Segundo a polícia, Josué Santos de Souza, 30 anos, estava em uma van de transporte alternativo voltando para casa quando houve um assalto. O crime aconteceu na avenida Doutor Antônio Muniz depois das 3h da manhã. Quatro homens armados entraram na van e anunciaram o assalto. Houve reação de um passageiro - a polícia não soube informar se foi da vítima - e os ladrões dispararam algumas vezes. Josué foi o único baleado. A vítima morreu no local antes de receber socorro. O corpo seguiu para o Departamento de Polícia Técnica (DPT) de Feira de Santana. O caso será investigado pela Delegacia de Homicídios, que vai apurar se o caso foi realmente um assalto mal sucedido. (Correio)

Veja 10 truques do Whatsapp que talvez você não conheça

Mesmo sendo o aplicativo de trocas de mensagens instantâneas mais popular do mundo, o Whatsapp possui funções muito pouco conhecidas pelos seus usuários. O site da 'BBC' separou algumas dicas que podem melhorar a sua comunicação com seus amigos e parentes e até ajudar a esconder situações constrangedoras. Confira:
1° - Veja suas mensagens pelo computador
Pouco gente sabe, mas o Whatsapp também pode ser acessado pelo computador. Alguns aplicativos como o "Notifyr" e o "Desktop Notifications" permitem ver as notificações que chegam ao celular por meio do computador. Para isso, é preciso instalar o aplicativo no celular e um outro programa, conhecido como extensão, no computador.
2° Cancelado
3° - Recupere conversas apagadas
Se alguma conversa foi apagada e você precisa dela de volta, é possível recuperá-la. O aplicativo guarda suas conversas em sua memoria. é só acessar o 'histórico de mensagens'.
4° - Oculte a imagem que será enviada
Muita gente não sabe, mas é possível enviar uma imagem oculta por Whatsapp. Os aplicativos "Magiapp" e "FhumbApp" ocultam a verdadeira mensagem que você quer mandar para o seu amigo com outra por cima. Quando a imagem chega, o destinatário consegue vê-la ao clicar sobre ela.
5° - Envie arquivos além de foto, áudio e vídeo
Quem pensa que o Whatsapp só envia arquivos de foto, áudio e vídeo está enganado. Com aplicativos como o "Cloud Send" ou "MP3 Music Dowloader", é possível mandar arquivos PDF ou documentos do Word.
6° - Bloqueie o acesso ao seu Whatsapp
Também é possível bloquear o acesso ao Whatsapp com senha. O aplicativo "WhatsApp Lock" faz com que o usuário possa instalar uma senha para acessar o programa.
7° - Instale o WhatsApp em tablets
Quem reclamar que não pode acessar o aplicativo em tablets também pode encontrar uma saída com o aplicativo SRT AppGuard, que impede que o aparelho seja reconhecido pelo mensageiro como um tablet. 
8° - Veja suas estatísticas no aplicativo
Além de facilitar a comunicação com pessoas do mundo inteiro, o Whatsapp também permite que você saiba como você o utiliza. O programa reúne alguns dados curiosos, como o número de mensagens recebidas e enviadas. Ele também gera estatísticas e é possível monitorar o uso do programa em determinado período de tempo, algo que pode ajudar a economizar seu pacote de dados.
9° - Não deixem que saibam quando você utilizou o aplicativo
Para evitar informar a hora em que entrou no aplicativo pela última vez é só ir em Configurações > Informações da Conta > Privacidade > Visto por último. Também é possível escolher com quem você quer compartilhar essa informação: Todos, Meus Contatos, Ninguém.
10° - Cancele a função que baixa fotos e vídeos automaticamente.
Para ter um pouco mais d espaço na memória do seu celular e até evitar situações constrangedoras, evite que fotos e vídeos sejam baixados para o celular automaticamente. É só ir em Configurações > Opções de Conversa > Download automático de mídia.

O novo secretário de Segurança Pública do estado de São Paulo foi advogado do PCC

Novo titular de segurança de Alckmin foi advogado de 123 processos do PCC (Primeiro Comando da Capital). 
O novo titular da Secretaria de Segurança Pública do Estado de São Paulo aparece no Tribunal de Justiça do Estado como advogado em pelo menos 123 processos na área civil em favor da Transcooper, segundo informa o jornal O Estado de S. Paulo nesta sexta-feira (9). A cooperativa atentida por Alexandre de Moraes - que tem como missão enfrentar uma das principais organizações criminosas do país, o PCC (Primeiro Comando da Capital) - é citada em um investigação que apura formação de quadrilha e lavagem de dinheiro do PCC.  Segundo a reportagem, Moraes afirmou em nota que começou a advogar para a Transcooper em janeiro de 2011, mas não atuou na investigação por suposta relação com o PCC. "Não houve qualquer prestação de serviços advocatícios - nem pelo secretário nem pelos demais sócios - às pessoas citadas em possível envolvimento com o crime organizado, em 2014. O contrato se referia estritamente à pessoa jurídica da cooperativa." Até o dia 8 de janeiro, entretando, Moraes permanecia no site do TJ como defensor da cooperativa, frisou o Estadão.

Investigações do acidente aéreo de Eduardo Campos continuam

As investigações sobre o acidente aéreo que vitimou o ex-governador de Pernambuco e ex-candidato à Presidência da República Eduardo Campos ainda ão foram concluídas, de acordo com nota divulgada hoje (16) pela Força Aérea Brasileira (FAB). A nota é uma resposta à matéria publicada nesta sexta-feira, no jornal O Estado de S.Paulo, segundo a qual o Centro de Investigação e Prevenção de Acidentes Aeronáuticos (Cenipa) aponta para uma sequência de falhas do piloto Marcos Martins como causa do acidente. Ainda segundo a reportagem, não foi encontrado nenhum indício de falha técnica ou de operação do sistema aeronáutico. A nota da FAB diz que "as investigações que apuram os fatores contribuintes do acidente com a aeronave PR-AFA ainda não foram concluídas pelo Cenipa. No último dia 6, a Aeronáutica havia dito que vai começar a divulgar, no início de fevereiro, informações sobre as investigações que apuram as causas do acidente, mas sem definir uma data. Após a publicação da reportagem, o irmão de Campos, Antonio Campos, divulgou nota na qual diz estranhar o acesso às investigações antes da apresentação do relatório final. Além do Cenipa, o acidente é investigado pela Polícia Federal e pela Polícia Civil de São Paulo. O irmão de Campos diz ainda que só se pronunciará após a conclusão das investigações da Aeronáutica e dos inquéritos policiais em curso, que poderão trazer provas complementares.

2014 foi ano mais quente desde 1880, diz agência

A Agência Oceânica e Atmosférica (NOAA), dos Estados Unidos, confirmou nesta sexta-feira, 16, que 2014 foi o ano mais quente desde que as temperaturas globais começaram a ser registradas, em 1880. O recorde anterior, considerando as médias globais de temperatura sobre os oceanos e os continentes, havia sido registrado em 2010. A Nasa, a agência espacial norte-americana, produziu uma análise independente com base nos mesmos dados e também concluiu que 2014 foi o ano mais quente já registrado, em comparação ao período que vai de 1951 a 1980. Segundo a NOAA, os dez anos mais quentes já registrados desde 1880 ocorreram entre 1998 e 2014, o que fortaleceria a tese de que o aquecimento global é consequência de emissões humanas de gases de efeito estufa. O relatório também indica que as temperaturas médias de dezembro de 2014 foram as mais altas já registradas para o mês no mundo. As temperaturas globais medidas ao longo de 135 anos indicam, segundo a NOAA, uma tendência de aquecimento global de longo prazo. Desde 1976, as médias anuais de temperatura têm sido maiores do que a média geral do século 20. Em 2014, a temperatura média global sobre os oceanos e continentes foi 0,69°C mais alta do que a média do século 20. A marca, sem precedentes, superou os recordes registrados em 2005 e 2010, quando a temperatura média superou em 0,04°C as médias do século 20.

Dois milhões podem deixar de receber o seguro-desemprego

O Ministério do Trabalho informou nesta sexta-feira que as novas regras para a concessão do seguro-desemprego podem reduzir o acesso ao benefício em 26,58%. Segundo cálculos do órgão, no ano passado, 8.553.733 trabalhadores requereram o seguro com base nas regras antigas. Se as mudanças forem aplicadas para esse mesmo universo de pessoas, 2.273.607 não receberiam o benefício. O ministério ressaltou que o novo modelo garante o benefício à maior parte das pessoas que o pedem pela primeira vez. Pela análise dos técnicos do MTE, 1.831.308 trabalhadores continuariam recebendo o seguro, por terem recebido 18 salários ou mais em 24 meses. Isso representa 50,47% do universo de 3.628.382 requerentes do benefício pela primeira vez. Entre os que requerem o seguro pela segunda vez, o volume de pessoas enquadradas nas novas regras seria ainda maior: 66,81%. Pelo menos 1.258.542 solicitantes teriam acesso por terem recebido 18 salários ou mais. Isso representa 50,48% do universo de 2.493.299 trabalhadores nessas condições. Além disso, outros 407.065 trabalhadores acessariam o benefício por terem recebido de 12 a 17 salários no período. Esses representam 16,33% dos beneficiados do grupo de segunda vez. Ficariam sem acesso ao benefício 1.048.630 trabalhadores de primeira solicitação, que receberam entre 6 e 11 salários (28,9% da base de 3.628.382 trabalhadores). Outros 552.880 (15,24% da base de 3.628.382 trabalhadores) não receberiam o seguro na primeira vez por terem recebido entre 12 e 17 salários. Entre os que pediriam as parcelas pela segunda vez, ficariam sem acesso, pelas novas regras, 672.097 pessoas (26,96% da base de 2.493.299 trabalhadores).

A corrupção na Petrobrás pode parar o Brasil?

Como o avanço das investigações sobre algumas das maiores empreiteiras brasileiras envolvidas no escândalo bilionário de corrupção da Petrobras pode afetar os investimentos em infraestrutura e tirar mais fôlego da economia. Leia
Estratégia
O esforço bilionário da líder Fiat para deixar de ser uma montadora de carros de entrada e competir também no mercado de veículos mais sofisticados — e entrar de vez na nova fase da indústria automobilística brasileira. Leia
Varejo
A entrada do empresário Abilio Diniz no Carrefour mostra que a rede francesa está disposta a voltar à briga no mercado brasileiro. O problema é que seu maior concorrente, o Pão de Açúcar, está na frente em tudo. Leia

Os testes que mudarão o futuro da sua saúde

Uma nova safra de exames genéticos chega ao Brasil. Eles mostram as reações do corpo de cada um a remédios, a alimentos, a exercícios e a predisposição a várias doenças. Com essas informações, será possível se planejar para uma vida melhor. Leia
Como são formados os jihadistas: A trajetória de radicalização dos irmãos Kouachi, responsáveis pelo atentado terrorista em Paris, é comum a muitos outros extremistas: começa num ambiente de pobreza e discriminação e se intensifica na cadeia, onde os muçulmanos são maioria. Leia
Eles disseram não para Dilma: Conheça o Ministério que a presidente quis montar, mas não conseguiu devido às negativas dos escolhidos, e entenda por que ser ministro do governo do PT não é mais tão atrativo quanto antes. Leia

As contradições da presidente

A revista Veja desta semana aponta a diferença entre o discurso de campanha e as primeiras medidas de Dilma. A presidente deixou seu programa de lado e adotou medidas econômicas que ela dizia serem danosas, como aumento na energia, alta de impostos e elevação dos juros. A reportagem também traz entrevista com o senador Aécio Neves. “Há um grande sentimento de frustração no país”, diz ele.
Petrolão: Ex-gerente da Petrobras diz que petistas desviavam dinheiro para campanhas da Bahia. Troca de mensagens comprova que Nestor Cerveró é o dono da offshore que comprou um apartamento de 7,5 milhões de reais. Lula e José Dirceu se desentendem por causa do escândalo. Leia
Justiça gaúcha libera auxílio moradia para ela mesma
A pedido do Ministério Público, Tribunal de Justiça do RS suspende a proibição de pagamento de benefício, sancionada pelo governador José Ivo Sartori. Leia

Wagner reajusta folha de pagamento de membros de estatal militar

O ministro da Defesa, Jaques Wagner (PT), aprovou um aumento de 30% na verba destinada à folha de pagamento dos diretores e membros do Conselho de Administração da Indústria de Material Bélico do Brasil (Imbel). A empresa estatal é responsável pela fabricação de armas, explosivos, munições e equipamentos de combate. De acordo com a Coluna Satélite, do Correio, com a assinatura de Wagner, o volume total destinado aos salários e remunerações de gestores e conselheiros da empresa saltou de R$ 1,51 milhão para R$ 1,95 milhão anuais. A Imbel é conhecida por abrigar em seus quadros militares apadrinhados por comandantes das Forças Armadas. A iniciativa é parte da estratégia do ex-governador baiano de diminuir a resistência à indicação dele entre os militares. O aumento era reivindicado pelos oficiais desde novembro passado.

Nigéria: ONU e comunidade africana apelam por intervenção contra grupo radical islâmico

Grupo já matou 13 mil no país: A escalada da violência na Nigéria, África ocidental, despertou a atenção de dirigentes da Organização das Nações Unidas (ONU) e da Comunidade Econômica dos Estados da África Ocidental (Cedeao). Eles fizeram um apelo nesta sexta-feira (16) para que haja uma intervenção internacional contra o grupo terrorista Boko Haram, que tem devastado a Nigéria e pode entrar nos países vizinhos. O presidente de Gana, John Dramani Mahama, que preside a Cedeao, chegou a afirmar que espera alcançar "um plano de ação específico para acabar com o problema do terrorismo na África", disse ao se referir aos ataques do Boko Haram. O grupo já matou milhares de pessoas na Nigéria e feito mulheres e crianças como reféns. "Nós não podemos ficar sentados em silêncio, à espera, de braços cruzados, para que a comunidade internacional intervenha. Não quando os nossos irmãos e irmãs foram massacrados e queimados nas suas casas e nas ruas de suas cidades e aldeias", criticou o presidente. As palavras de John Mahama vão ao encontro do que disse a secretária-geral adjunta da ONU, Leila Zerrougui: "Vemos o Boko Haram deslocando-se para os países vizinhos", disse em Abuja, ao considerar que a situação “requer uma resposta regional". Os militantes radicais do Boko Haram, que querem fundar um estado islâmico no norte da Nigéria, de maioria muçulmana, ao contrário do sul, de maioria cristã, são responsáveis pela morte de 13 mil pessoas e pelo deslocamento de 1,5 milhão desde o início das revoltas em 2009.